Maite conta as dificuldades que enfrenta com sua nova novela

Maite conta as dificuldades que enfrenta com sua nova novela

24/04/2014 0 Por Camila Cabral

10157276_626607850760453_3738951748784446007_n

Maite Perroni está mais que emocionada pela sua próxima estreia na telenovela “La Gata” e para compartilhar mais sobre este projeto, Quien.com acompanhou a atriz em um estúdio de gravação em Sán Ángel Inn no qual daria voz ao tema musical principal da trama. Antes deste importante acontecimento, pudemos falar com ela em uma entrevista exclusiva.

Estou muito feliz, acredito que ‘La Gata’ é um projeto muito importante porque me permite me desenvolver nas áreas que mais gosto, que são a música e a atuação. Com a novela estou super feliz, é uma história que se move muito, cada capítulo que leio, cada coisa que vamos trabalhando me emociona e já quero saber o que mais vai acontecer“, assim indicou Maite ao nos relatar a emoção de seu novo trabalho.

As filmagens principais da telenovela acontecem em um lixão, fato que a atriz nos compartilha como uma experiência ‘difícil’: “Nós estamos acostumados a viver nossa história, nosso mundo e para nós isso é o real e o tangível, sabemos que há outras formas de viver, mas não as sentimos porque não são parte do nosso cotidiano e quando você sai do seu espaço e chega a outro, é inevitável não conhecer, observar e se dar conta do que acontece. É um lugar muito especial, porque temos conhecido pessoas incríveis, temos podido compartilhar com as pessoas que estão trabalhando e vivendo ali, porque há gente de todo tipo.

No Bordo de Xochiaca, Maite Perroni teve que se adaptar para dar vida a uma personagem que vive na pobreza extrema, e tirou disso uma aprendizagem: “É impossível estar ali e não sentir, e não mimetizar com as circunstâncias, já são dois meses de locação, onde se desenvolve praticamente 80% da história da minha personagem neste começo. É toda uma experiência, é muito forte, mas ao mesmo tempo é uma lição de vida e você se dá conta de outras coisas, porque toca em outras realidades“.

Para Maite outra das aprendizagem que teve foi conviver dia a dia com os catadores de lixo: “Você se dá conta de que é um trabalho, é uma forma de vida, é preciso respeitá-la e muito, porque seu trabalho é estar todos os dias em um lixão pegando restos do que todos nós utilizamos em nossa vida para que possam subsistir. Desde às oito da manhã você os vê com seus carrinhos e até o pôr do sol ficam ali, dando de comer aos cavalos e se adaptando diante das circunstâncias, que é sua realidade para ter uma renda“.

Apesar de que as pessoas têm sido muito amáveis com a produção, a atriz conta que viveu experiências inesperadas: “De repente está aqui e fica sabendo que apareceu um morto e chega a polícia para checar de onde saiu esse corpo e de repente você se vira e há cinco crianças jogando, brincando e rindo ao seu lado“.

Profundamente comovida, a ex-integrante do RBD compartilhou um momento triste que viveu durante as gravações de ‘La Gata’: “Na semana passada eu estava gravando e de repente vejo um cachorro deitado, todo empoeirado, quando me a próximo e perguntou ‘está dormindo?’ e ficam me olhando e me dizem que não, que está morto. Esse cachorro foi um cachorro que vi durante um mês e meio todos os dias caminhando, com as orelhinhas cortadas, sempre cheio de moscas, que estava ali sempre sentado com a gente e me partiu o coração, é inevitável“.

Estamos contando coisas reais. De repente, quando vemos a televisão dizemos ‘isso é uma telenovela’, mas não, o que está se escrevendo e o que estamos compartilhando acontece e é um contraste de duas realidades. Me permitiu tocar uma realidade muito mais forte do que a que estamos acostumados“, finalizou Maite a respeito do que vive neste projeto.

Feliz de combinar a música com a atuação

Já no lado musical, Maite Perroni esteve num estúdio para gravar o tema de abertura de sua nova telenovela: “Esta canção que estamos preparando especialmente para ‘La Gata’ se chama ‘Vas a querer volver’ e me dá muitíssima alegria, tudo foi feito de uma maneira muito boa, agora esperamos que gostem“, além disso nos compartilhou que o gênero da canção será bachata.

Do que fala a letra? “Tem a ver com a história, é um tema que fala de quando se entrega incondicionalmente a alguém e um dia esse alguém vai embora, e no final, quando se dá conta do erro que cometeu, vai querer retornar e vai querer estar novamente presente, mas às vezes é muito tarde quando isso acontece“.

Além dessa canção, nos próximos meses lançará uma edição especial de seu disco debut “Eclipse de Luna“, que também contará com um tema inédito que se escutará nas cenas de romance de Maite com seu co-protagonista, Daniel Arenas. O responsável por este tema tão especial foi o namorado da cantora e atriz, Koko Stambuk.

A respeito do trabalho e do amor, Maite declarou: “Devemos respeitar o espaço de cada um e desse lugar é como se manifesta tudo, respeitamos muitíssimo o que cada um faz” e sobre se mudou a química entre eles agora que se junta trabalho e namoro, ela compartilhou: “A química sempre existiu, então nisso não há diferença“.

Créditos: RBDRebelde.com (Tradução) Fonte: Quien. com