Plaay +5mi de músicasEscute músicas de Maite Perroni onlineplaylists
1676
8 de novembro de 2013

Maite Perroni conta como foi sua viagem a Angola

Bez20tytulu~23

Maite Perroni nunca imaginou que Angola fosse um país que a admirasse e se surpreendeu. Hoje a ex RBD pode presumir que seus fãs africanos cantam suas canções e gostam de suas telenovelas. Tanto assim que não queria se despedir deles, pois recebeu muito carinho e amor que ela mesma não imaginou que era tanto.

Maite conte-nos como foi sua para Angola?

Inesquecível, me fascinou a cultura, foi uma viagem fenomenal, amei as pessoas, posso dizer que foi uma das melhores viagens da minha vida. Senti muito amor estando lá.

Vimos que compartilhou alguns momentos através da sua conta no Twitter…

Sim, foi o pouco que pude fazer, e quis compartilhar com todos meus fãs como é lindo receber tanto carinho.

Como foi que te convidaram para ir lá?

Fui como convidada especial de uma premiação de um canal muito importante de lá. Interpretei quatro canções do meu novo disco e ainda tive a sorte de compartilhar o palco com uma cantora africana. Foi um novo passo na minha carreira.

O que fica dessa experiência?

A verdade que as viagens sempre emocionam e posso te dizer  que me emocionei muito estar em um lugar tão longe onde as pessoa não tem nada mais do que dar amor.

Como que souberam de você?

O engraçado é a forma que chega Angola na minha vida, através das telenovelas pude ficar perto desse país. Convidaram-me porque gostaram do que fiz na televisão e isso me permitiu levar minha música, porque meu disco não está na África. É uma fusão muito interessante, me emocionei muito.

Como reagiram com seu primeiro disco Eclipse de Luna?

Encantaram-se e isso me deu até arrepio, pois foi muitos meses de trabalho, dedicação de tentar encontrar as letras e a música, mas sobre todo som é uma forma de expressão. Essa nova proposta me favoreceu, e ficaram fascinados.

Mas não é só na África, aqui na América Latina, Eclipse de Luna tem tido uma boa resposta

Graças a Deus está indo muito bem. O que eu queria era ter um disco para compartilhar bachata, pop, rock, balada e Vallenato  e ao final como os latinos gostam de ouvir de tudo. Eu creio que funcionou.

SCANS

Créditos: MaiPerroni.org (Tradução e Adaptação) Fonte: Excélsior Teve

Camila Cabral

Uma menina/mulher um pouco tímida com grandes sonhos, com amor imenso pela Maite. Uma de minhas paixões dedicar um pouco do meu tempo ao MaiPerroni.org e ouvir música de vários ritmos.


comente sobre esta notícia: