11393121_959639714080289_181157024224624008_n

Parece que o vento está soprando a favor de Maite Perroni. Desde sua saída da novela Rebelde e consequentemente do grupo musical derivado do folhetim, Perroni só se destacou na mídia mexicana. De lá para cá, já se contabilizam cinco novelas, participações em séries, além do seu envolvimento com a carreira musical.

Só de escrever, me cansei, mas Maite não. Incansável, a artista está prestes a estrear sua sexta novela. Um projeto audacioso, que a impôs como atributo principal o despir-se de sua beleza.

https://www.youtube.com/watch?v=OCwH8nmErhE

Acompanhe o trailer de “Antes Muerta que Lichita”

Na trama Maite interpreta Lichita, uma jovem inteligente, tímida e pouco atrativa aos olhos masculinos. Trancafiada em uma empresa de publicidade a oito anos, ela se sente invisível perante os colegas de trabalho, que a enxergam apenas como a “boboca”. Porém sua vida começa a tomar rumos diferentes quando o amor bate a sua porta. No entanto nem tudo serão flores, propiciando assim a Lichita a mudança necessária: deixar seu antigo eu para dar vida a Alicia, uma mulher destemida e visível aos olhos masculinos. O típico melodrama latino que tem agradado o mundo todo.

Maite Perroni é invisível em “Antes Muerta que Lichita”

O folhetim assinado por Rosy Ocampo destaca-se por apresentar uma roupagem nova, ou seja, não se trata de um remake, condição facilmente encontrada em terras mexicanas. Outro ponto a favor é a sua gravação, que será inteiramente na tecnologia 4K, sendo desta maneira a pioneira do conglomerado Televisa.

Com grande elenco, encabeçam a lista nomes como: Chantal Andere (Estephanie Bracho de “A Usurpadora”), Eduardo Santamaria (Alessandro Cárdenas de “Rubi”) e Dominika Paleta (Leda Duran Bracho de “A Usurpadora”). “Antes Muerta Que Lichita” estreia dia 24 de agosto no Canal de las Estrellas, na Televisa.

Créditos: Bastidores Da Tv 


Camila Cabral

Uma menina/mulher um pouco com grandes sonhos, com amor imenso pela Maite. Uma de minhas paixões dedicar um pouco do meu tempo ao MaiPerroni.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *