Maite Perroni conta sua experiência em gravar o filme ‘Sin Ti No Puedo’

Entrevistas Exclusividades Notícias

Maite Perroni está em divulgação de seu mais novo filme e em entrevista exclusiva para Sala Llena falou como foi dar vida a este novo personagem, veja:

O primeiro contato com este projeto, como aconteceu?

Eu já havia trabalhado antes em outro projeto com Frank Ariza, que é o roteirista da história, ele me escreveu um dia, ele me disse para ler aquele roteiro, adorei e foi assim que decidimos mais uma vez trabalhar juntos ao lado de um equipe de produção incrivelmente talentosa para poder contar este thriller que a partir deste 21 de abril você já poderá ver nos cinemas no México.

O que significa para sua carreira como atriz participar de um projeto realizado na Espanha?

É um grande sucesso para mim tanto pessoal quanto profissionalmente; Estive em Madrid durante Junho, Julho e Agosto a rodar este filme a aprender com todos os atores… Nunca imaginei estar com Pedro Casablanc ou Alfonso Bassave que são pessoas com anos de experiência e estar lá com eles no set foi muito enriquecedor. .. Eu queria ficar mais tempo lá!

Como foi sua experiência trabalhando com a diretora Chus Gutiérrez?

Chus é uma diretora que admiro, amo e respeito… ela ganhou esse reconhecimento na indústria por um motivo. Tivemos química desde o primeiro dia e as coisas fluíram naturalmente; Junto com ela, dei sentido à Blanca para poder construir sua história e poder refleti-la da melhor forma no set.

De sua própria personalidade que você imprimiu em seu personagem como Blanca? Você teve a chance de fornecer sugestões no set?

Como eu ia dizendo, trabalhei de mãos dadas com Chus Gutiérrez para poder interpretar Blanca conhecendo muito bem seu passado, tudo o que ela viveu e aquela vontade de sair da prisão para ver o que aconteceria com sua vida depois daquele trágico incidente onde seus pais morreram.

Gostaríamos de saber qual foi a coisa mais extrema que você fez pelo carinho de seus entes queridos?

Não sei hahaha a verdade é que sou muito uma pessoa de família, muito de estar com meus amigos e família nos meus dias de folga… Há momentos em que, por causa do trabalho, não posso estar tão perto deles fisicamente quanto eu gostaria, mas quando estou dedico 100% de mim a eles.

Qual foi sua preparação mental e física para interpretar a personagem de Blanca?

Foi um trabalho de mesa junto com os guias, roteiristas e o diretor para que juntos pudéssemos construir a Blanca. O que eu mais gosto nessa parte da criação dos personagens é que você tem que entender o que eles fizeram sem julgá-los para interpretá-los da melhor maneira possível.

Quão divertido foi filmar com a presença de dois mexicanos no set?

Lembro que algo aconteceu especialmente comigo nos primeiros dias, pois assim que cheguei me juntei à mesa de trabalho antes do início das filmagens, mas meus horários ficaram de cabeça para baixo… e dormia quase dia todo em Madri (porque no México era noite). De repente eles batem na minha porta, eu acordo e eram os produtores porque queriam saber se eu estava bem porque não atendi ligações ou mensagens, mas foi porque eu estava dormindo. No caminho para o final das filmagens, pude mudar meus horários para os de Madri.

Você poderia nos dizer qual foi o seu local favorito de toda a filmagem e por quê?

Sempre que me perguntam sobre “favoritos” em qualquer assunto eu tenho dificuldade em escolher hahaha Madrid, suas ruas, seus prédios são muito bonitos e desde que o filme foi rodado lá, você vai ver como essa cidade é incrível… Gostei muito de poder viver lá durante junho, julho e agosto do ano passado.

Com base na sua experiência de ter feito este filme, o que você diria ao público para que eles vejam este filme nos cinemas?

Filmar foi uma experiência incrível, as ruas de Madrid são uma parte importante desta história e é um prazer ver aquela cidade no grande ecrã, é um thriller muito interessante contado pelos olhos da nossa realizadora Chus Gutiérrez com um grande cast espanhol junto comigo e Maurício (Ochman). Não perca “Sin Ti I Can’t” nos cinemas em todo o México a partir de 21 de abril (México).

O filme será lançado no streaming, mas ainda sem data.

Créditos: Site MaiPerroni & Sala Llena

Camila Cabral

Uma menina/mulher com amor imenso pela Maite. Estudante de Design Gráfico e uma de minha paixão é dedicar meu tempo ao MaiPerroni.

http://www.maiperroni.org

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.