Maite Perroni em entrevista exclusiva para revista Quién

Entrevistas Notícias

Testemunhamos o renascimento da atuação de Maite Perroni. Dentro nos últimos anos, ela participou de projetos arriscados que a tornou uma das favoritas das plataformas de  transmissão. Agora volta a surpreender com Oscar Jaenada, Manuel Vega e Paulina Dávila em La Octava Cláusula, o primeiro Longa-metragem da Expansión Filmed Entertainment, que estreia no Amazon Prime Video.

2020 foi o ano da pausa forçada. Enquanto estávamos trancados em nossas casas buscando nas plataformas de vídeo que a Expansión streaming coproduz algo novo para ver, a indústria do entretenimento estava em meio a uma crise,as filmagens pararam completamente, os cinemas fechados e suas grandes e esperadas estreias retidas .

Com muita incerteza, mas com a certeza de conseguir, um grupo de criativos juntou o seu talento para mudar as regras do jogo e, apesar do Covid-19, decidiram reativar uma indústria que foi duramente atingida pela crise, situação que o mundo inteiro estava vivenciando. Assim nasceu La Octava Cláusula, longa-metragem produzido pela Expansión Filmed Entertainment, escrito por Frank e Ariza e Mario Tardón.

Este thriller promete mistério, ação, algum drama e muita sensualidade. São Maite Perroni, Óscar Jaenada, Manu Vega e Paulina Dávila, os protagonistas da história, que nos contam sobre os principais desafios de estar entre os primeiros em voltar aos sets em meio a uma pandemia.

A REVOLUÇÃO DE MAITE

Paranoia, incerteza, medo, doença, a economia no fundo do poço, mas também novas formas de convivência e novos ambientes nas casas. Cozinhar com criatividade, vídeo chamadas, jogos de tabuleiro, séries, séries e mais séries. Em pleno
calor de julho da corrida de touros, uma atriz que cresceu nas telas das casas mexicanas retomou a televisão. Mas agora de uma forma diferente.

Maite Perroni alcançou seu objetivo:

Acho que há fases na vida em que são tomadas decisões radicais que você não sabe aonde elas vão te levar. Lembro-me com muita clareza do momento em que me sentei para conversar comigo mesma e decidi redirecionar minha carreira para crescer como atriz”, reflete a intérprete. Com sua personagem, Alma, em Desejo Sombrio, ela deixou claro o rumo que a ex-RBD deu à sua carreira. Maite e o restante do elenco dessa série atingiu um público de mais de 35 milhões de pessoas.

Alguns meses antes, a atriz havia dado vida a Adriana Romero em O jogo das chaves, uma organizadora de casamentos que se casou com seu primeiro namorado e conhece seu crush desde a adolescência; No meio de um jogo de swing, ela quebra as regras e vira sua vida de cabeça para baixo. Maite, quase no fim dos seus 30 anos e com um corpo ótimo, estreou uma faceta adulta na telinha.

Mas voltemos aos tempos críticos da pandemia. Enquanto nas casas mexicanas as cenas de Maite na série em que estrelou causaram mais calor do que no México, a atriz decidiu dar um passo além e não apenas atuar, mas também produzir em meio a uma crise de saúde. “Me chamou a atenção a possibilidade de fazer um filme no mesmo espaço e num período de três semanas. Esse filme surgiu em meio à pandemia. Estávamos no ano de 2020 quando começamos a falar sobre como poderíamos reativar a indústria, entretenimento e trabalho para pessoas que se dedicam a fazer filmes e
televisão”, lembra Perroni.

Sua vida pessoal também estava prestes a dar uma reviravolta: quando La Octava Cláusula foi filmada, Maite era namorada do músico e cineasta Koko Stambuk, com quem mantinha um relacionamento de mais de sete anos e ele era o diretor do filme. Koko e também a dirigiu em Doblemente Embarzada, longa-metragem que chegou aos cinemas no final de 2019.

Depois de terminar as filmagens em Valle de Bravo, Koko Stambuk e a atriz decidiram terminar o romance. “Tem alguns meses que terminei um relacionamento de sete anos e meio, e não precisa necessariamente ser um relacionamento tóxico, é simplesmente uma história que encerrou um ciclo”, garantiu Maite Perroni no ano passado, quando ela foi convidada para o podcast Se regalan dudas.

Em outubro de 2021, Perroni voltou ao radar ao confirmar seu relacionamento com o produtor de televisão, Andrés Tovar, seu atual parceiro.

Talvez por isso soe mais interessante ver a interpretação de Maite como Cat neste filme, onde ela é esposa do personagem de Óscar Jaenada e eles fingem ter o relacionamento perfeito. No entanto, seus segredos, mentiras e infidelidades vêm à tona. Cat experimenta um choque pessoal:

“É um filme cheio de mistério, suspense, onde nada é o que parece, como a própria vida: muitas vezes como seres humanos nos antecipamos a fazer julgamentos sobre as histórias e vidas de outros quando na verdade nem os conhecemos. Este filme é assim: você não pode julgar porque você não sabe quem é quem.” assegura a intérprete.

Nada segura Maite Perroni, ela conseguiu superar a rejeição e o isolamento. “Eu estava conseguindo resultados com os projetos que estava fazendo e tinha cada vez mais oportunidades dentro desse mesmo espaço. Em vez de ficar com isso, decidi fazer uma pausa, desistir de tudo e recomeçar para me redescobrir. Recebi muitos “não”, ou “é que ela só faz novelas”, “é que é ex RBD”, “é que é muito comercial”, e aí me custou tempo para poder ganhar uma oportunidade de fazer algo diferente. Mas valeu a pena porque acredito que todos esses desafios pessoais resultam em um profissional e me ajudam
não parar, para atingir todos os meus objetivos e não ficar em algo que poderia ter gerado conforto”, diz a intérprete.

Não é a primeira vez que Maite Perroni aparece nas páginas centrais de Quién acompanhada e desta vez ela o faz junto com o
protagonistas de La Octava Cláusula.

Créditos: Site MaiPerroni & Quién

Camila Cabral

Uma menina/mulher com amor imenso pela Maite. Estudante de Design Gráfico e uma de minha paixão é dedicar meu tempo ao MaiPerroni.

http://www.maiperroni.org

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.